Olhos lacrimejantes, lacrimejando

Olhos lacrimejantes - lacrimejando muito, muitas lágrimas abundantes e em excesso

Olhos lacrimejando - o que pode ser?

Olhos lacrimejando, lacrimejantes ou epífora são tudo expressões para designar a condição em que o doente sente uma abundância invulgar de lágrimas (olhos sempre a lacrimejar). Este problema pode dever-se a uma produção de lágrimas excessiva, a inflamação dos olhos ou à drenagem inadequada das lágrimas. Este problema pode ser temporário ou então existir um lacrimejamento persistente no tempo. Se o problema persistir no tempo (longa duração) deve consultar o médico oftalmologista para efetuar o diagnóstico da doença e tratamento adequado.

Os olhos com lágrimas são uma condição normal. As lágrimas são um líquido que contêm água, sais e permitem manter os olhos lubrificados e ajudar a lavá-los de objetos estranhos e poeira. As lágrimas são produzidas pelas glândulas lacrimais sob a pele das pálpebras superiores. Quando pestanejamos, as lágrimas espalham-se e mantêm os olhos húmidos. As lágrimas são, normalmente, drenadas através dos canais lacrimais e por evaporação. Outras glândulas produzem lipídios que protegem as lágrimas da evaporação muito rápida.

Nos olhos que lacrimejam são produzidas muitas lágrimas, que sobrecarregam os canais lacrimais. Os canais lacrimais bloqueados, vento, poeira, alergias, infeções e lesões são por isso fatores que podem causar lacrimejamento nos olhos. Contudo, outras causas podem estar na origem do problema (veja mais informação em causas).

Na maioria das vezes, o problema dos olhos lacrimejantes é resolvido sem qualquer tratamento. Contudo, noutras situações este problema pode tornar-se num processo crónico. Consulte o seu médico se apresenta um caso prolongado de olhos lacrimejantes, especialmente se for acompanhado de outros sintomas.

Um dos sintomas comuns quando existe lacrimejamento em excesso é a vermelhidão no olho.

Saiba, aqui, tudo sobre olhos vermelhos.

Olhos lacrimejantes - o que é anormal?

Como vimos a produção de lágrimas é uma condição normal em determinadas circunstâncias. Quando as lágrimas são muito abundantes (em excesso) e sem motivo aparente (como por exemplo a exposição a poeiras) e por muito tempo (vários dias seguidos ou semanas) então estamos perante uma situação anormal de abundância de lágrimas (olhos com lágrimas em excesso).

Ou seja, é considerada uma situação anormal (doença associada) quando os olhos lacrimejam muito e por um longo período de tempo sem uma causa aparente. 

Olhos lacrimejando muito

Quando os olhos lacrimejam muito existe uma causa associada. Ou seja, o olho lacrimeja porque existe um agente que desencadeia essa reação. Entenda-se por “muito” quando temos os olhos lacrimejando constantemente, ou seja, quando existe uma produção excessiva de lágrimas. Nestes casos deve identificar-se o motivo que leva os olhos a lacrimejar tanto, de modo a efetuar o tratamento adequado.

Temporariamente, produzir lágrimas em excesso é normal, fundamentalmente, por razões emocionais como o choro ou o riso ou simplesmente quando bocejamos.

Veja, de seguida, as principais causas para os olhos que lacrimejam constantemente.

Olhos lacrimejantes - causas

Os olhos lacrimejantes podem ter várias causas associadas. O lacrimejamento nos olhos pode ser causado por situações sem qualquer significado ou pode resultar de uma doença ocular mais ou menos grave. Qualquer tipo de inflamação - infeções, alergias, corpo estranho, etc pode resultar em olhos lacrimejantes.

Dependendo da causa subjacente e do estadío da doença, apenas um olho pode ser afetado (olho esquerdo ou direito), ou então, podem ser afetados ambos os olhos (bilateral).

Outras causas comuns de lacrimejamento dos olhos são as condições climáticas como o vento, o frio e o sol. Alguns fatores ambientais como a luz brilhante e poluição atmosférica também são causas frequentes para o lacrimejamento dos olhos. A presença de objetos estranhos ou substâncias químicas nos olhos são outra das causas recorrentes de produção excessiva de lágrimas.

Por mais estranho que pareça, uma das razões comuns dos olhos lacrimejantes é a síndrome do olho seco.

Se as lágrimas não contêm o equilíbrio certo de água, sais e lipídios, os olhos podem tornar-se demasiado secos. A irritação resultante ocasiona uma produção abundante de lágrimas que se derramam através dos canais lacrimais. Como os olhos não recebem a lubrificação adequada, são continuamente produzidas lágrimas em abundância. Ou seja, como as lágrimas não contêm as substâncias em quantidades adequadas capazes de lubrificar os olhos eficazmente, então podemos assistir a uma produção excessiva de lágrimas, por forma a compensar a falta de alguns componentes.

Saiba, aqui, o que é olho seco.

Olhos lacrimejando são também um dos sintomas comuns nas síndromes gripais (gripe). Nas alergias oculares também é muito frequente a presença de olhos lacrimejantes.

Outras causas também frequentes que provocam o excesso de lágrimas nos olhos, são:

Saiba, aqui, tudo sobre os principais problemas oculares.

Olhos lacrimejando - criança

Na criança, uma das causas mais frequentes de lacrimejamento persistente no tempo é o canal lacrimal obstruído (fechado ou aberto de forma incompleta). A maioria dos canais lacrimais ocluídos em crianças resolve-se espontaneamente sem qualquer tratamento após alguns meses.

Outras das causas comuns em crianças são as alergias e as conjuntivites.

Saiba, aqui, o que é conjuntivite.

Inúmeras outras doenças podem também desencadear uma produção abundante de lágrimas na criança. Veja mais em causas de lacrimejamento nos olhos.

Conheça, aqui, as principais doenças dos olhos na criança.

Olhos lacrimejando - bebé

Para além das atrás mencionadas, o glaucoma congénito ou de início precoce no bebé é uma das causas para olhos lacrimejando.

Saiba, aqui, o que é glaucoma.

A causa para uma produção em excesso de lágrimas no bebé pode também ter diversas outras origens. Veja mais informação em causas para olhos lacrimejantes.

Olhos vermelhos e lacrimejantes

Olhos vermelhos são muito frequentes quando existe lacrimejamento nos olhos. Quase todas as causas anteriormente apresentadas incluem olhos vermelhos e lacrimejantes, como por exemplo o olho seco, a conjuntivite, a blefarite, etc. Veja mais informação em causas para olhos lacrimejantes e vermelhos.

Saiba, aqui, tudo sobre olhos vermelhos.

Ardor e olhos lacrimejantes

O ardor nos olhos é outro dos sintomas frequentes quando existe lacrimejamento dos olhos. Nas patologias atrás mencionadas também é muito frequente o ardor nos olhos.

Veja mais detalhes em causas para olhos lacrimejantes.

Olhos lacrimejando - tratamento

O tratamento dos olhos lacrimejantes depende naturalmente da sua causa. O lacrimejar dos olhos pode desaparecer espontaneamente ou pode ser necessário tratamento médico e/ou cirúrgico, dependendo da causa. Ou seja, o tratamento está naturalmente dependente da causa pelo que é importante efetuar, antes de mais, o diagnóstico.

Consulta no oftalmologista

Para além dos motivos apresentados, outras doenças podem estar na origem de olhos a lacrimejar. Consulte um médico oftalmologista para efetuar o diagnóstico correto e tratamento adequado. Procure ajuda imediata se para além de olho lacrimejante também apresenta algum destes sintomas: