Paquimetria

Exame ocular de paquimetria, fotos, imagens

O que é paquimetria ocular?

O exame de paquimetria ocular é o processo que nos permite medir a espessura da córnea. A córnea é a parte transparente do olho através da qual visualizamos a íris e a pupila.

A determinação da espessura corneana é fundamental no diagnóstico de algumas doenças dos olhos ou, então, como avaliação pré-operatória em algumas cirurgias. A paquimetria ocular é um exame oftalmológico que também é importante no acompanhamento e avaliação da eficácia do tratamento em algumas doenças dos olhos. Veja mais informação nas doenças relacionadas e indicações para o exame de paquimetria corneana.

A espessura da córnea é medida em micrómetros (microns, micra ou µ). Um mícron equivale à milésima parte do milímetro. Na paquimetria os resultados serão normais se a espessura da córnea estiver dentro de determinados valores. No exame de paquimetria corneana os valores normais (espessura central de uma córnea normal) devem situar-se entre os 470 micrómetros e os 550 micrómetros. Abaixo destes valores a córnea é considerada fina, e é necessário diferenciar algumas alterações que podem causar o afinamento da córnea. Acima destes valores limite, a córnea é considerada espessa. Nestes casos, deve-se encontrar a causa deste valor aumentado da espessura corneana.

Na paquimetria ocular é utilizado um paquímetro que é o equipamento ou dispositivo médico utilizado para medir a espessura da córnea. A paquimetria pode ser realizada apenas num olho (esquerdo ou direito) ou, então, pode ser realizada em ambos os olhos (paquimetria bilateral).

A paquimetria é um exame de realização simples e rápida, praticamente isento de riscos ou complicações e em que não existe necessidade de qualquer preparação ou cuidados especiais antes do exame. O doente não necessita de suspender qualquer medicamento que esteja a tomar para realizar o exame.

Como é realizado o exame?

O exame de paquimetria que, como vimos, serve para avaliar a espessura da córnea, pode ser realizado por meio de ultra-sons ou infra vermelhos. Saiba, de seguida, como é feito o exame de paquimetria em cada um dos casos (ultra-sons ou infra vermelhos).

Paquimetria ultrassónica

Na paquimetria ultrassónica a espessura da córnea é determinada, utilizando um paquímetro através da emissão de ultra-sons. A avaliação da espessura da córnea pode ser realizada na área central, paracentral e na periferia da córnea.

A paquimetria ultrassónica é um exame indolor (não existe dor) e de execução rápida (cerca de 5 minutos). O doente deve estar sem lentes de contacto, cuja utilização deve ser interrompida nos cinco dias anteriores à realização do exame ou sem óculos. É administrada uma gota de colírio anestésico e o doente deve fixar o olhar no ponto determinado pelo médico ou técnico de oftalmologia, de modo a que a sonda ultrassónica efetue as medidas. Para a execução de paquimetria ultrassónica não é necessário dilatar a pupila.

O resultado do exame na paquimetria ultrassónica é conhecido de imediato através da medição da espessura da córnea por meio de ultra-sons (valores normais entre os 470 micrómetros e os 550 micrómetros).

Normalmente a paquimetria é realizada aos dois olhos. Se a paquimetria for apenas realizada num dos olhos designamo-la por paquimetria ultrassónica monocular.

Paquimetria - Pentacam

Na paquimetria por pentacam a espessura da córnea é determinada utilizando um paquímetro que utiliza infra vermelhos. Este exame oftalmológico é na atualidade um dos melhores para determinar a espessura da córnea, pois apresenta claras vantagens quando comparado com as demais técnicas existentes.

Saiba, aqui, o que é pentacam.

Paquimetria - indicações

A avaliação da espessura da córnea para realizar cirurgia refrativa é um exame fundamental antes e após a operação. A cirurgia refrativa LASIK, PRK ou outras, permitem a correção dos erros refrativos (miopia, hipermetropia ou astigmatismo), “modelando” a córnea, tendo, para tal de perder algum tecido corneano, daí a importância da avaliação da espessura da córnea.

Se quer saber o que é cirurgia refrativa, conhecer os riscos, as complicações e recuperação da operação, siga este link.

A paquimetria ocular é também um exame essencial em doentes com glaucoma, dado que a espessura da córnea influencia a leitura dos tonómetros mais utilizados.

Saiba, aqui, tudo sobre glaucoma.

Este exame oftalmológico é também muito utilizada no diagnóstico de ceratocone e de outras distrofias da córnea.

Saiba, aqui, tudo sobre ceratocone.

Existem algumas malformações oculares em que nuns casos ocorre um aumento da espessura da córnea (esclerocórnea, megalocórnea) e noutros casos em que acontece uma redução da sua espessura (síndrome da disgenesia mesoectodérmica de Peters).

Para além das indicações apresentadas, a paquimetria pode ser realizada em muitas outras doenças dos olhos ou sempre que o médico oftalmologista suspeite de algumas delas.

Veja, aqui, mais informação sobre as principais doenças dos olhos e exames habitualmente realizados em cada caso.

Exames oftalmológicos

A paquimetria é um exame oftalmológico que nos permite avaliar a espessura da córnea.

Dependendo do diagnóstico, o médico oftalmologista pode prescrever outros exames para avaliar a córnea ou outras partes do olho. Conheça, de seguida, os demais exames em oftalmologia: