Ecografia das partes moles

Fotos de ecografia das partes moles

O que é ecografia das partes moles?

A ecografia das partes moles é um exame de diagnóstico por imagem que nos permite avaliar as estruturas superficiais, como a pele e a gordura subcutânea, podendo ser realizado em qualquer área da superfície corporal. Veja mais informação em indicações da ecografia das partes moles.

A ecografia (ou ultrassonografia) é um método de diagnóstico muito acessível, de fácil execução e que utiliza os ultrassons para gerar imagens do corpo humano, de modo a serem examinadas pelo médico radiologista. O termo ecografia é, frequentemente, encurtado para ECO na linguagem médica, designando-se o exame, neste caso, simplesmente ECO das partes moles.

Como é feita a ecografia?

A ecografia é um exame acessível e seguro realizado através de um equipamento designado por ecógrafo. Para a sua realização é colocada uma sonda sobre a área do órgão ou estrutura que se deseja avaliar, após colocação de um gel incolor entre a pele e a sonda.

A sonda capta as imagens e envia-as para um monitor. No momento da realização do exame, o médico radiologista analisa as imagens e interpreta-as. São arquivadas as imagens mais relevantes e no final o médico radiologista redige um relatório (por escrito), onde é descrito aquilo que o médico observou. Após validação do relatório os resultados do exame são conhecidos e disponibilizados (imagens e relatório) em formato digital e/ou papel.

A observação ecográfica será considerada normal caso as estruturas estudadas não apresentem alterações significativas ou suspeitas, caso contrário o médico relatará o observado, podendo ser necessário, em alguns casos, recorrer a outros exames para melhor esclarecimento do caso.

Indicações da eco das partes moles

A ecografia das partes moles é um exame que serve para a avaliar os tecidos superficiais, como a pele e a gordura subcutânea. O exame pode ser realizado em qualquer região da superfície corporal, como por exemplo: cabeça, pescoço, membros superiores (braços), cotovelo, ombro mão, abdómen, tórax, virilha, membros inferiores (pernas), joelho, tornozelo, pé, etc..

O exame é frequentemente executado na presença de tumefações, por exemplo quistos (ou cistos) ou lipomas.

Quem pode realizar o exame?

O exame pode ser executado em qualquer faixa etária, ou seja, tanto em adultos como em crianças de qualquer idade (incluindo no bebé). A ecografia não emprega radiação, tratando-se de um exame inócuo, e por isso seguro, para a execução em idade pediátrica. Nas crianças, o exame está aconselhado para a avaliação dos mesmos órgãos do que nos adultos, e não carece de proteção específica.

A gravidez não constituiu uma contra-indicação à concretização de ecografia contrariamente a outros exames que empregam radiação ionizante, aos quais a mulher grávida não deverá ser sujeita, como por exemplo a tomografia computorizada (TC ou TAC).

A ecografia é dolorosa?

Não. O exame não causa qualquer tipo de dor durante a sua execução, uma vez que a ecografia é um exame não invasivo e muito bem tolerado.

Quanto tempo demora o exame?

A duração média de uma ecografia das partes moles é de 5 minutos. Os exames mais demorados são os que carecem de uma avaliação mais pormenorizada dos órgãos ou estruturas anatómicas, como é o caso em que seja necessária uma avaliação suplementar dos segmentos vasculares com Doppler.

Saiba, aqui, o que é Eco-Doppler.

Preparação para o exame

Não é necessária qualquer preparação prévia para realizar uma ecografia das partes moles. O doente não necessita de estar em jejum, podendo comer e beber como habitualmente. O paciente pode tomar a medicação habitual.

Quanto custa uma ecografia?

Para os doentes do Serviço Nacional de Saúde (SNS) a ecografia das partes moles é comparticipada pelo estado, pertencendo ao utente apenas um pagamento de uma taxa moderadora. Todavia, este pagamento apenas será necessário caso o utente não esteja isento do seu pagamento. Para os utentes isentos (ex. insuficiência económica, etc.) o exame é gratuito. O valor da taxa moderadora a pagar pelo utente é firmado em portaria, podendo variar ao longo do tempo por esse facto. Para os utentes beneficiários de outros subsistemas, como a ADSE, seguros de saúde, etc. o utente terá de suportar os valores de acordo com as regras definidas pelo subsistema ou do seguro de saúde associado.

No caso do exame ser realizado a título particular, o valor da ecografia é instituído pela clínica de imagiologia que o executa, não superando, tipicamente algumas dezenas de euros.

Selecione o concelho da sua residência e veja onde fazer a ecografia das partes moles e informações adicionais sobre o preço dos exames em Portugal.

clinica_imagiologia.png